Variáveis do processo ofsete

 

 

Sumário

Ofsete (litografia) 
matrizes ofsete
impressão ofsete
suportes e tintas
resumo
Introdução

Variáveis da pré-impressão

Capítulo 1: Tópicos do processo de pré-impressão

O processo de seleção de cores
Limitações impostas pelos originais
fatores de tom e cor
fatores estruturais da imagem
qualidade da imagem
Limitações impostas pelos suportes e pelas tintas
características dos suportes
características das tintas
uniformidade de transferência da tinta
Limitações do processo de reprodução fotomecânica
resolução do processo de impressão
condições de visualização
A reprodução em cores
reprodução de tons
balanço de gris
correção de cores
Limitações da reprodução em cores
a resposta do scanner à cor
informações da imagem
informações físicas
acerto do scanner
calibragem da fonte de luz
acerto dos fatores físicos
ajuste dos fatores tonais
controle de máscara de realce
falhas de proporcionalidade e aditividade
Processamento de imagens
Reprodução e avaliação de imagens
Cópia de matrizes
prova de prelo
prova fotomecânica
prova digital
prova de vídeo
prova digital direta
correções
Seqüência de cores da prova
Copiagem das chapas

Capítulo 2: Preparação de arquivos para reprodução

Geometria de ponto
Lineatura de retícula
Ângulos de retícula
Densidade dos filmes
Equilíbrio cromático
Linearização da curva de reprodução
Compensação de ganho-de-ponto
Balanço de gris
Compensação de carga de tinta (UCR/GCR/MCR)
Compressão tonal (compressão de gamut)

Capítulo 3: Propriedades das chapas

introdução
material de base
alumínio anodizado
granulação
camada fotossensível
sensibilidade da camada fotossensível
reação ao escuro
reação continuada
iluminação de segurança
lei da reciprocidade
escala de sensibilidade
fontes de luz
lâmpadas de metal halogênio
lâmpadas de mercúrio
lâmpadas de xenônio (pulsed-xenon)
tratamento das áreas de contragrafismo
requisitos da goma dessensibilizante
tratamento das áreas de grafismo
prensas de contato
relação entre a área e o diâmetro do ponto
padronização do processo de cópia
processadoras
waterless (ofsete seco)
ofsete seco (dry offset)
CTP - computer-to-plate
Chapas digitais

Capítulo 4: Teoria das cores

Introdução
As leis das misturas de cores
mistura aditiva
mistura subtrativa
Fundamentos das cores
luz e cor
curvas de refletância espectral
Visão e reprodução das cores
a visão humana das cores
percepção incomum de cores
daltonismo
cromodinâmica
psicologia das cores
cores quentes e frias
cores complementares
cores monocromáticas
cores acromáticas
cores análogas
cores neutralizadas
contraste simultâneo de tom
contraste simultâneo de valor
efeito Bezold
contraste reverso
efeito espacial das cores
contraste de extensão
ilusões de cores
balanço visual (contraste de extensão)
metamerismo
separação de cores
tintas ideais x tintas reais
correção de cores
Avaliação das tintas para correção de cores
força da tinta impressa
tom e erro de tom
% de gris
eficiência
diagramas das cores
Círculo das cores
Triângulo das cores
Hexágono das cores
propriedades da superfície
sistema de cores subtrativo
geração do preto
remoção de subcores (UCR)
substituição da componente gris (GCR)
máxima remoção de cor (MCR)
balanço de gris
gerenciamento de cores

Variáveis da impressão

Capítulo 5: Propriedades dos papéis

Introdução
O papel de imprimir
Propriedades dos papéis
alvura e brancura
cor
brilho
opacidade
composição da camada
composição de fibras e cargas
conteúdo de umidade
pH (acidez/alcalinidade)
colagem e resistência à água
adesão
resistência à luz
permanência
durabilidade
resistência química
resistência à bolha (blister)
compressibilidade
elasticidade
rigidez
estabilidade dimensional
higroexpansividade
formação e nivelamento
sentido de fibra
força de ligação interna
porosidade
densidade aparente
gramatura
espessura e corpo
tendência ao encanoamento
lado tela/feltro
resistência ao estouro
resistência à dobra
resistência ao rasgo
resistência à tração
impurezas
poeira/cisco
absorção de tinta
printabilidade
lisura
resistência superficial
resistência ao atrito
influência da refinação mecânica
ambientação do papel
temperatura e umidade relativa
ar condicionado
umidade relativa
Papéis especiais
papel autocipiativo
papel térmico
papel de segurança
papel entelado
papel FCO
papel-imprensa
papel-pergaminho
papel vergê
conclusão
anexo – Suportes impermeáveis
considerações iniciais de projeto
recomendações para a impressão
recomendações para envernizamento com vernizes à base d’água
recomendações para uso de tintas e vernizes UV
anexos

Capítulo 6: Propriedades das tintas

Introdução
fabricação das tintas
propriedades das tintas
viscosidade
rigidez
tixotropia
reologia aplicada à impressão
comportamento da tinta no tinteiro
comportamento da tinta na rolaria
transferência da tinta
tack
transferência
secagem
absorção ou penetração no suporte
evaporação
polimerização oxidativa
polimerização induzida por radiação
resfriamento
gelação ou gelificação
precipitação
polimerização catalisada
assentamento em função da estrutura porosa do papel
secantes
modo de reagir dos secantes
fatores que influenciam a secagem
estimulador de secagem
dispersão
aceitação (trapping)
cor
transparência
força (poder de cobertura)
comprimento
Tintas especiais
tintas que curam por radiação
tintas ultravioleta
tintas que curam ativadas por feixe de elétrons
tintas híbridas
tintas termocromáticas
tintas fotocromáticas
tintas reativas a solventes
tintas microencapsuladas
tintas magnéticas
tintas fluorescentes
tintas metálicas
tinta alumínio
tintas metalgráficas
tinta à prova de gordura
tinta atóxica
tinta catalítica
tinta de duplo-tom
tinta eletrônica
tinta invisível
tinta iridescente
tintas de segurança
tintas solúveis em água
tintas sublimáveis
tinta Ultraking Paliocolor
Sistema de mistura Pantone
Vernizes ofsete
aplicação de verniz à base d’água no sistema de molhagem

preparação da impressora
sistema de alimentação
diluição
sistemas auxiliares de secagem
envernizamento frente-e-verso
Vernizes ultravioleta
reação entre o verniz UV e a tinta
brilho do verniz
rejeição do verniz UV
resistência ao vinco do verniz UV
cura do verniz UV
anexos

 

Capítulo 7: Propriedades das blanquetas

introdução
amassados
depressões
vidrado
dureza
receptividade à tinta
transferência da tinta
resistência aos óleos e solventes
resistência mecânica
resiliência
desprendimento (releasing)
compressibilidade
blanquetas para aplicações específicas
máquinas rotativas
impressão de cartão
metalgrafia
outras aplicações

Capítulo 8: Propriedades da solução de molhagem

introdução
composição da solução de molhagem
A água
dureza da água
tensão superficial
ângulo de contato
goma-arábica
requisitos da goma dessensibilizante
ácido fosfórico
álcool
aditivos da solução de molhagem
estimulador de secagem
agentes fungicidas, algicidas e bactericidas
preparação da solução de molhagem
pH da solução de molhagem (acidez/alcalinidade)
solução de molhagem alcalina
solução tamponada
condutividade da solução de molhagem

Capítulo 9: Variáveis das impressoras ofsete planas

Introdução
o cilindro da chapa
o cilindro da blanqueta
mecânica da impressora ofsete
método do diâmetro igual (máquinas com guias em contato)
método da imagem real (máquinas com guias em contato)
máquinas sem contato de guias
o sistema de molhagem
rolos cromados
rolos molhadores
o sistema de tintagem
o tinteiro
o rolo tomador
rolos distribuidores
rolos cavaleiros
rolos entintadores
cuidados com os rolos
equilíbrio água–tinta
conservação da uniformidade da cor
alimentação de folhas
transferência de folhas
entrega (saída)
acessórios das impressoras ofsete planas
painel de comando
sistema de circulação de solução de molhagem
divisor do tinteiro (chumbinho) e íris
lavador de rolos
lavador automático de rolos
rolo catador de sujeira (caroço)
saca-caroço
soprador de ar
aparadores de água
lavador automático de blanqueta
sistema de bombeamento de tintas
sensor de nível do tinteiro
mesa para preparação de tintas
sistema non-stop
desencanoador de folhas
pulverizador de pó antidecalque
leitor de chapas
agitador mecânico do tinteiro (puxa-saco)
acabamento em-linha
envernizamento
serrilha
numeradores
unidade combinada

Capítulo 10: Variáveis das impressoras ofsete rotativas

a unidade de impressão blanqueta – blanqueta
o cilindro da chapa
o cilindro da blanqueta
pressão e sincronismo entre os cilindros
alimentação (infeed)
porta-bobina de dois braços (tipo borboleta)
mecanismo de tração
tensionamento do papel
fatores que influenciam na tensão
função dos componentes de ajuste de tensão do papel
tranca de tensão (bailarino do porta-bobinas)
infeed
rolo medidor (célula de carga)
tranca de tração
carretilhas
roletes de dobra do nariz do funil
roletes puxadores
cilindro de dobra
influência dos ajustes no infeed
influência do diâmetro do cilindro de dobra
operação
forno e cilindros resfriadores
dobradeiras
mecanismos de dobra
dobradeira combinada
dobradeira de duplo funil
corte
mecânica da dobra
tensão do papel
fatores que afetam a tensão
acerto da tensão
comportamento do papel
dispositivos de controle de tensão
controle da bobina e da imagem
registro de cores
comprimento e largura relativa da imagem
controle lateral da bobina
corte
acessórios das impressoras ofsete rotativas
painel de comando
divisor do tinteiro (chumbinho) e íris
sistema de circulação de solução de molhagem
lavador de rolos
lavador automático de rolos
rolo catador de sujeira (caroço)
soprador de ar
lavador automático de blanqueta
sistema de bombeamento de tintas
sensor de nível do tinteiro
mesa para preparação de tintas
leitor de chapas
agitador mecânico do tinteiro (puxa-saco)
aplicador de silicone
reumidificador do papel
acabamento em-linha
serrilha

Capítulo 11: Inter-relacionamento das variáveis do processo ofsete

Introdução
inter-relacionamento papel–tinta
características de transferência da tinta para o papel
carga ótima de entintamento
inter-relacionamento papel–blanqueta
inter-relacionamento da solução de molhagem
solução de molhagem–suporte
solução de molhagem–papel alcalino
solução de molhagem–tinta
balanço água–tinta
resistência à abrasão
emulsão
brilho
solução de molhagem–chapa
tratamento das áreas de contragrafismo
velatura
tingimento
escumação
entupimento
engorduramento
corrosão
cegueira
solução de molhagem–tinta–chapa
solução de molhagem–blanqueta
solução de molhagem x rolos
inter-relacionamento tinta x blanqueta
acúmulo
acúmulo na blanqueta
inter-relacionamento tinta x chapa
inter-relacionamento tinta x rolos
estabilidade da tinta na rolaria
inter-relacionamento chapa x blanqueta
inter-relacionamento chapa x rolos
inter-relacionamento ambiente x papel
inter-relacionamento ambiente x tinta
inter-relacionamento ambiente x chapa
inter-relacionamento ambiente x blanqueta
inter-relacionamento ambiente x solução de molhagem
inter-relacionamento ambiente x rolos
Anexo - Impressão de suportes não-absorventes
Superfícies plásticas
Metalgrafia
superfícies metálicas
folha-de-flandres
alumínio
tintas metalgráficas
pigmentos
resistência ao calor
resistência à luz
estabilidade durante a estocagem
sangramento em solventes
veículos

Capítulo 12: Controle do processo

introdução
ferramentas básicas
grid para teste de registro
guia de ângulo de retícula
lineômetro
escala de gris
escala de gris
escala (UGRA) de controle (negativa/positiva)
escala FOGRA PMS (negativa/positiva)
escala FOGRA - KKS
guia de registro (negativo)
escala vernier
régua de registro
escala de controle de cores
tira “QC”
escala de ganho-de-ponto
escala-II de ganho-de-ponto
escala slur
estrela radial
micrômetro de carga estática
espessímetro
relógio comparador
analisador de pontos
pHmetro/condutivímetro
medição do pH
densímetro (hidrômetro)
medidor de espessura do filme de tinta
dinamômetro
durômetro
cálibres (espiões)
balança de gramatura
espada higrométrica
medidor de ovalização (Radivarius)
teste de absorção
PPS (Parker Print-Surf)
rugosidade ou aspereza
microcontorno
alvura
cor (brancura)
brilho do papel
opacidade do papel
composição do papel
acidez do papel
colagem do papel
resistência do papel ao blister
compressibilidade do papel
estabilidade dimensional do papel
direção de fibra do papel
tendência do papel à delaminação
porosidade do papel
pó do papel
sujeira e pintinhas do papel
printabilidade do papel
lisura do papel
resistência ao arrancamento do papel
teste de arrancamento
aparelho de teste de arrancamento (pick tester)
lados tela e feltro
amarelamento do papel
permanência do papel
resistência química do papel
resistência do papel à água
resistência do papel ao estouro
resistência do papel à dobra
rigidez do papel
resistência do papel ao rasgo
resistência do papel à tração
resistência do papel à ruptura
densidade aparente do papel
espessura do papel
resistência do papel à abrasão
resistência do papel à fricção
viscosidade de tintas e vernizes
grindômetro
tintômetro (inkometer/tackoscope)
tintômetro em-linha (press inkometer)
teste da puxada
extensor
teste de abrasão
teste de envelhecimento
teste de acidez
teste de ancoragem
teste de emulsionamento
flexibilidade do filme de tinta
resistência química (a sabões)
teste de secagem (decalque)
opacidade da tinta
tendência da tinta à voagem
adesão da tinta
tendência ao decalque
resistência ao empilhamento
odor residual
acelerador de envelhecimento
densitômetro (transmissão/reflexão)
espectrofotômetro
kelvinômetro/luxímetro
testform
Queek Peek
indicador de luz GATF/RHEM
cabina de visualização
pirômetro infravermelho
termômetro infravermelho
teste de marmorização com grafite
teste de marmorização com Croda Red
outros ensaios com papéis e tintas
anexo – Conceitos de controle da conservação de equipamentos
introdução
indicadores de desempenho para controle da manutenção
terefas de prevenção
novas técnicas
análise de vibração
termografia
ferrografia
análise ferrográfica

© 2016 by ROSSI Tecnologia Gráfica. Todos os direitos reservados.